Visita guiada à exposição da Solar durante o Curtas Vila do Conde 2016

JOÃO PEDRO RODRIGUES & JOÃO RUI GUERRA DA MATA

 

 

Em 2016, o Curtas Vila do Conde estendeu, uma vez mais, a sua programação à Solar – Galeria de Arte Cinemática com a primeira exposição de João Pedro Rodrigues e João Rui Guerra da Mata em Portugal.

 

Em “Do Rio das Pérolas ao Ave”, os realizadores aventuraram-se num projeto transversal, mais relacionado, até, com as artes-plásticas. Composta por instalações concebidas exclusivamente para o espaço da Solar, em articulação com a sua configuração sinuosa e recôndita, esta exposição propunha um percurso lúdico pelo universo dos dois cineastas, procurando estabelecer novos diálogos com os filmes e respectivos processos de produção, numa abordagem muito diferente da que acontece habitualmente na sala de cinema.

 

Em complemento à exposição e a convite do Curtas Vila do Conde, João Pedro Rodrigues e João Rui Guerra da Mata apresentaram no festival uma misteriosa e histórica carta branca. As três sessões integraram uma seleção de curtas-metragens escolhidas pela dupla de cineastas de autores como Buster Keaton, Charles Chaplin, Jacques Tati, Alan Schneider, Jean Genet, Andy Warhol, Kenneth Anger, Jacques Demy e Jean-Luc Godard, entre outros.