YU LIK-WAI

 

Nascido em 1966 em Hong Kong, Yu lik-Wai graduou-se no INSAS (Institut National Superieur des Arts de Spectacle), Bélgica. A sua carreria iniciou-se através da colaboração, como director de fotografia, com o realizador Jia Zhangke. No entanto, o seu percurso como realizador reconhecido tem início em 1996, com o documentário "Neon Goddess", com o qual vence um prémio no Festival Internacional de Documentário de Marselha. Yu lik-Wai e Jia Zhangke representam, de forma magistral, o novo cinema chinês não oficial, produzido às margens do sistema de censura imposto pelo Estado.

 

Em 1999, Yu lik-Wai aparece com o seu primeiro registo de ficção, com a longa-metragem "Love Will Tear Us Apart". Com uma narrativa contida e habilmente servida por uma fotografia sóbria, mas de grande efeito dramático, o filme apresenta o realizador como um autor definitivo da ficção contemporânea do novo cinema asiático. A sua obra seguinte - "All Tomorrow's Parties" - é seleccionado para a secção Un Certain Regarde, do Festival de Cannes, em 2003. E no ano seguinte realiza uma curta-metragem encomendada pelo Festival de Cinema de Jeonju.

 

Em 2008, o realizador foi um dos autores In Focus do Curtas Vila do Conde, naquela que foi a primeira retrospectiva integral do autor na Europa. Yu lik-Wai esteve presente no festival, onde apresentou uma masterclass sobre a sua obra e foi parte integrante do júri.