"A Glória de Fazer Cinema em Portugal" vence Prémio de Melhor Curta Metragem

14 Dezembro 2015
Share on Facebook Share on Twitter

"A Glória de Fazer Cinema em Portugal", uma encomenda da Curtas Metragens CRL ao realizador Manuel Mozos, venceu a competição de curtas-metragens da 19ª edição do Festival de Cinema Luso-Brasileiro de Santa Maria da Feira, que terminou no passado domingo. 

Também durante o fim-de-semana, a curta-metragem foi o filme de abertura do ciclo de cinema da TV Cine dedicado ao realizador Manoel de Oliveira. 

A obra tem como ponto de partida uma carta escrita por José Régio, em 1929, a Alberto Serpa onde o escritor manifestou a vontade de fundar uma produtora para começar a fazer cinema. Durante quase noventa anos, nada se soube sobre o desfecho deste pedido: nunca se encontrou qualquer resposta de Serpa à carta e Régio não terá voltado a mencionar o assunto. “A Glória de Fazer Cinema em Portugal” tenta desvendar o desfecho dessa história. 

 
“A Glória de Fazer Cinema em Portugal” poderá ser revisto no próximo domingo, 20 de dezembro, às 21:45, no Teatro Municipal de Vila do Conde, no âmbito d’ O Dia Mais Curto, juntamente com “Vila do Conde Espraiada”, de Miguel Clara Vasconcelos. 

ETIQUETAS