Curtas 2019: Destaques (13 de julho)

13 Julho 2019
Share on Facebook Share on Twitter

Inevitável destaque para a estreia nacional da primeira longa de Carlos Conceição, um dos realizadores em foco na edição deste ano do Curtas.

Serpentário, interpretado por João Arrais (Soldado Milhões, Coelho Mau), acompanha a viagem de um cineasta na busca pela alma da mãe numa África pós-apocalíptica. Uma reflexão emocional sobre a memória, que joga com a biografia do realizador – nasceu e viveu em África até aos 21 anos, e a história da própria terra. Um filme-catástrofe, onde se exploram sentimentos de pertença e se olha uma Angola saída da guerra, à descoberta de si mesma e das referências apagadas pela história recente. Pelas 21h00 na sala 1 do Teatro Municipal.

 

Será uma sessão única e de acesso livre aquela que mostrará alguns dos primeiros clássicos a cores produzidos por Walt Disney. Uma série de obras primas, hoje em dia consideradas essenciais na história do cinema, que são um testemunho da forma como a visão do americano viria a marcar a indústria do entretenimento à escala mundial. Da curta Flowers and Trees, ao grande sucesso Os Três Porquinhos (o primeiro de uma série de filmes de Disney a vencer o Óscar na categoria de melhor animação), passando pela primeira aparição do Pato Donald no cinema com The Wise Little Hen ou o remake do clássico O Patinho Feio, de Hans Christian Andersen. Pelas 15h00, na sala q do Teatro Municipal.

 

No ano em que se assinalam os 50 anos da norte de José Régio, o Curtas recupera em Vila do Conde, terra onde morou toda a sua vida, os filmes que ligam o escritor a Manuel de Oliveira. A sessão, a ter lugar pelas 16h00 na sala 2 do teatro Municipal, incluirá: A Glória de Fazer Cinema em  Portugal, de Manuel Mozos, e Douro Faina Fluvial, As Pinturas do meu Irmão Júlio, O Poeta Doido, O Vitral... e Romance de Vila do Conde, todas obras de Oliveira.

 

A fechar a secção Stereo, dedicada aos encontros entre música e imagem, o concerto de Montanhas Azuis, projecto que junta Marco Franco, Norberto Lobo e Bruno Pernadas, acompanhado pelas imagens de Pedro Maia. Pelas 23h45, na sala 1 do Teatro Municipal.

 

 

 

15h00 . Sala 1, Teatro Municipal

Cinema Revisitado . Disney Technicolor

 

16h30 . Sala 1, Teatro Municipal

Competição Internacional 8

 

21h00 . Sala 1, Teatro Municipal

InFocus . Serpentário, Carlos Conceição

 

22h15 . Sala 1, Teatro Municipal

Competição Internacional 9

 

23h45 . Sala 1, Teatro Municipal

Stereo . Montanhas Azuis

 

14h30 . Sala 2, Teatro Municipal

Panorama Europeu: Holanda

 

16h00 . Sala 2, Teatro Municipal

Cinema Revisitado . José Régio – A Poesia Invisível

 

18h00 . Sala 2, Teatro Municipal

Competição Experimental 4

 

19h30 . Sala 2, Teatro Municipal

Competição Nacional 5

 

21h30 . Sala 2, Teatro Municipal

Competição Internacional 3

 

23h00 . Sala 2, Teatro Municipal

Panorama Internacional

 

 

ETIQUETAS