Nomeado do Curtas Vila do Conde aos Prémios Europeus de Cinema

29 Setembro 2015
Share on Facebook Share on Twitter

A Academia Europeia de Cinema divulgou a lista das 15 curtas-metragens nomeadas aos Prémios Europeus de Cinema (European Film Awards) que terão lugar a 12 de dezembro em Berlim. 


 Uma vez mais, o vencedor do "Vila do Conde Short Film Nominee For The European Film Awards" do Curtas Vila do Conde concorre na categoria de Melhor Curta Metragem Europeia. Este ano, o escolhido foi “Kung Fury”, de David Sandberg.

A nomeação das curtas em competição é feita em associação com vários festivais europeus de cinema, entre eles o de Veneza, Roterdão, Clermont-Ferrand, Berlin, Tampere e Cracóvia.

A lista completa dos nomeados está disponível no site da Academia

Produções do Curtas Vila do Conde no Doclisboa

29 Setembro 2015
Share on Facebook Share on Twitter

As curtas-metragens "Vila do Conde Espraiada", de Miguel Clara Vasconcelos, e "A Glória de Fazer Cinema em Portugal", de Manuel Mozos, produzidas pelo Curtas Vila do Conde no âmbito do Campus, estão selecionadas para a 13ª edição do Doclisboa, que decorre entre 22 de outubro e 1 de novembro. 

"Vila do Conde Espraiada", um filme sobre as memórias da cidade desenvolvido a partir de materiais como textos, gravações e fotografias familiares, integrá a Competição Portuguesa enquanto "A Glória de Fazer Cinema em Portugal", inspirada numa carta escrita por José Régio em 1929, será apresentada na Competição Internacional do festival. 

O Dia Mais Curto regressa em Dezembro!

24 Setembro 2015
Share on Facebook Share on Twitter

Já estão em andamento os preparativos para a 3ª edição d’ O Dia Mais Curto, a grande festa da curta-metragem. Se é programador e deseja associar-se a esta iniciativa contacte a Agência da Curta Metragem até ao dia 16 de novembro!

 

Este ano, a iniciativa arranca no inicio do mês culminando no dia 21, o dia mais curto do ano, em pleno Solstício de Inverno. Este fenómeno astronómico inspirou a ideia de promover a curta-metragem incentivando a realização de sessões públicas em diversos espaços em todo o país.

 

Quer seja online, na televisão, em cinemas, bibliotecas, centros culturais, cineclubes, ou em diferentes espaços públicos ou comunitários, a apresentação de curtas-metragens durante este curto, mas intenso dia, proporcionará ao público a oportunidade de descobrir um grande número de cineastas e as suas obras.

Durante todo o dia 21 de dezembro, serão programadas sessões em várias cidades do país que vão apresentar uma seleção de curtas-metragens com produções nacionais e internacionais, para adultos e crianças. As instituições poderão associar-se à iniciativa através dos quatro programas disponibilizados pela Agência da Curta Metragem ou através de programas próprios. 

 

À semelhança dos últimos dois anos, o evento vai arrancar em alguns locais à meia noite com festas de apresentação com filmes e música non-stop.

 

Na edição de 2014, O Dia Mais Curto contou com mais 4000 espectadores, 68 sessões e mais de 35 filmes em 24 localidades portuguesas.

 

O Dia Mais Curto nasceu em França em 2011 e, todos os anos, é celebrado em simultâneo em dezenas de países em todo o mundo. Em Portugal, a iniciativa será, uma vez mais, desenvolvida pela Agência da Curta Metragem em cooperação com várias das suas congéneres europeias.


As instituições interessadas em associar-se a’ O Dia Mais Curto 2015 deverão contactar a Agência da Curta Metragem até ao dia 16 de novembro:

Jussara Germano
jussara@curtas.pt 
+351 252 643386

 

Solar inaugura nova exposição

24 Setembro 2015
Share on Facebook Share on Twitter

A Solar - Galeria de Arte Cinemática inaugura no sábado, 3 de outubro, às 18:30, a exposição coletiva "Everything Seems Fine From Up Here" em parceria com a produtora Bando À Parte. A abertura da exposição contará com performances de Tânia Dinis (19:00) e Jorge Quintela (19:15).


"Everything Seems Fine From Up Here" explora o cruzamento entre o som e a imagem em movimento  partindo de registos feitos em super8 e 16mm  para apresentar uma parafernália de elementos que invadem o espaço da Solar - Galeria de Arte Cinemática.

A exposição reúne um conjunto de artistas, realizadores e músicos cuja atividade possibilita o desenvolvimento de projetos que articulam o cinema e outras áreas da criação artistica  como a música e a performance  que os autores envolvidos se propõem também apresentar  em diferentes momentos  no período da exposição: Paulo Abreu, Susana Abreu, Rodrigo Areias, Marcos Barbosa, Pedro Bastos, Daniel Blaufuks, Tânia Dinis, Paulo Furtado, Edgar Pêra e Jorge Quintela.

Partindo de elementos provenientes de algumas das suas obras anteriores  como instalações  filmes ou peças sonoras  estas obras serão recriadas  resultando em alguns trabalhos originais. A exposição reflete o trabalho em parceria que alguns destes artistas têm desenvolvido ao longo dos últimos anos na área do cinema e da música. A sua apresentação na Solar permite a criação de novos diálogos entre estas obras  e novas leituras resultantes de uma articulação com o espaço da galeria.

"Everything Seems Fine From Up Here" ficará patente na Solar até 29 de novembro, onde poderá ser visitada, gratuitamente, de segunda a domingo entre as 14:00 e as 18:00. 

 

"A Society" de Jens Assur

21 Setembro 2015
Share on Facebook Share on Twitter

 

"Onze estranhos são forçados a partilhar um espaço exíguo numa viagem com destino ao desconhecido. Sob circunstâncias severas e incertas, eles enfrentam os seus preconceitos e medos, mas necessitam uns dos outros para sobreviver. A dinâmica do grupo transforma-se num reflexo do mundo exterior."

A curta-metragem "Uma Sociedade", de Jens Assur, exibida durante a 20ª edição do Curtas Vila do Conde, está agora online numa iniciativa de vários festivais de cinema contra a xenofobia na Europa. Os festivais de cinema europeus agradecem, por isso, ao realizador Jens Assur por disponibilizar o seu filme. 

Apelamos ainda à partilha do mesmo de forma a espalhar a palavra contra a xenofobia, a favor de uma sociedade europeia em solidariedade!

Festivais:

Animateka Ljubljana
Berlinale Shorts
Cineuropa
Curtas Vila do Conde
DokuFest Prizren
EMAF Osnabrück
Festival du Court Métrage de Clermont-Ferrand
“Festival International du film sur les Droits
Humaines”
Filmfest Hamburg
Filmstelle Zürich
Glasgow SFF
Go Short ISFF Nijmegen
IndieCork FF
IndieLisboa International Independent Film Festival
Internationaal Kortfilmfestival Leuven
Internationale Kurzfilmtage Winterthur
Internationales KurzFilmFestival Hamburg
K3 FF
Kino Xenix
Kortfilmfestivalen Grimstad
Kratkofil IFF
London SFF
Milano FF
Schweizer Jugendfilmtage
Short Waves
Sleepwalkers Short Film Festival
Solothurner Filmtage
Tampere FF
Uppsala SFF
VIS Vienna Independent Shorts
Zubroffka SFF

 

Evols em concerto na Solar no sábado

21 Setembro 2015
Share on Facebook Share on Twitter

O ciclo de concertos do 10º aniversário da Solar - Galeria de Arte Cinemática, em Vila do Conde, continua com os Evols no sábado, 17 de outubro, às 18:30.


Influenciados pelas raízes do rock e do blues e pela cultura psicadélica que se reinventa há mais de 50 anos, os Evols caracterizam-se pela música intemporal, longe dos holofotes, mas perto das pessoas. Na Solar – Galeria de Arte Cinemática, a banda apresenta, ao vivo, o mais recente álbum “II”, que chega às lojas neste outono depois de dois anos e meio de gravações.

Gravado e misturado nos estúdios Sá da Bandeira entre 2013 e 2014, o segundo álbum dos Evols marca uma evolução no som da banda, ainda fortemente marcado pelo som das guitarras mas com o contributo de dois novos membros: Jorge Queijo (bateria) e João Santos (baixo) que se juntam, assim, ao trio inicial composto por França Gomes, Carlos Lobo e Vítor Santos.

“II” chega às lojas a 25 de setembro, numa edição Wasser Bassin em parceria com a cadeia de lojas Fnac. Deste novo trabalho já podem ser ouvidos os singles “Shelter” e “Kindness and Talk”.

Este é mais um espetáculo do ciclo de concertos dos 10 anos da Solar - Galeria de Arte Cinemática, apoiado pela Fnac, por onde já passaram também The Legendary Tigerman, Benjamim, Manuela Azevedo e Hélder Gonçalves (Clã), Plaza, entre outros.

Os bilhetes custam 2 euros para maiores de 14 anos e podem ser adquiridos na Loja das Curtas, situada na Solar. 

←prev 1  I  2  I  3  I  4  I  5  I  6  I  7  I  8  I  9  I  10  I  11  I  12  I  13  I  14  I  15  I  16  I  17  I  18  I  19  I  20  I  21  I  22  I  23  I  24  I  25  I  26  I  27  I  28  I  29  I  30  I  31  I  32  I  33  I  34  I  35  I  36  I  37  I  38  I  39  I  40  I  41  I  42  I  43  I  44  I  45  I  46  I  47  I  48  I  49  I  50  I  51  I  52  I  53  I  54  I  55  I  56  I  57  I  58  I  59  I  60  I  61  I  62 next→
ETIQUETAS