Os Dias do Fim: Estaleiro Termina em Festa

5 Dezembro 2012
Share on Facebook Share on Twitter

Nos dias 12 e 15 de dezembro, o Estaleiro termina as suas atividades com um conjunto de concertos e sessões de cinema. É o culminar de um projeto que durou dois anos e que revolucionou a vida cultural de Vila do Conde e da região do Porto. O Estaleiro foi uma produção da Curtas Metragens CRL e da equipa que prepara e programa o Curtas Vila do Conde.

Estes últimos dias apresentam concertos com Father John Misty e We Trust+Best Youth; e ante-estreia mundial da nova longa-metragem de João Canijo, para além da apresentação de todos os filmes produzidos no Estaleiro.

Father John Misty / We Trust + Best Youth a 12 de dezembro no Teatro Municipal de Vila do Conde

Culminando um longo período com grandes concertos em Vila do Conde – entre outros, passaram pelo Teatro Municipal bandas como Young Marble Giants, Tinariwen, Twin Shadow, Rodrigo Leão ou Arto Lindsay – o final do Estaleiro proporcionará um dia com grandes concertos: Father John Misty e a apresentação em Vila do Conde da tour “There must be a place" das bandas portuguesas We Trust e Best Youth.

Father John Misty é o novo alter-ego do músico americano Josh Tillman, ex-baterista do Fleet Foxes e com vários discos também editados a solo. Com este novo projeto, o músico tem sido catapultado na cena do folk rock, sobretudo depois da edição do álbum “Fear Fun”, apresentado em maio deste ano, com o selo da Sub-Pop.

As bandas We Trust + Best Youth apresentam-se no espetáculo original “There Must be a Place”, onde músicas dos dois grupos são tocadas em conjunto. Os We Trust e os Best Youth surgiram em 2012 no panorama nacional e logo atingiram os tops de algumas das principais rádios nacionais. Foram consideradas duas das bandas revelação em Portugal e conseguiram ainda algum destaque internacional. Marcaram também presença nos principais festivais portugueses.

 

Sessões de cinema com os filmes Estaleiro e ante-estreia mundial da nova longa-metragem de João Canijo

Durante o Estaleiro, foi desenvolvido o programa Campus, no contexto do qual foram produzidas várias curtas-metragens, encomendadas a realizadores relevantes do panorama nacional, a quem se impôs duas condições: filmar com estudantes na sua equipa técnica; e abordar aspetos relevantes da região. Também no âmbito do projeto Stereo, foram produzidos seis filmes para o contexto da galeria Solar, juntando seis duplas de criadores (cada dupla era formada por um cineasta/artista visual e um músico).

Depois da estreia mundial destes filmes no Curtas Vila do Conde 2011 (no caso do Stereo) e no Curtas Vila do Conde 2012 (no caso dos filmes Campus), no final do projeto Estaleiro serão projetados todos os filmes a 15 de dezembro.

Também no mesmo dia será apresentado, em ante-estreia mundial, a nova longa-metragem de João Canijo, um prolongamento do filme realizado para o projeto Campus (a curta-metragem Obrigação). Este novo filme é composto por material não utilizado e investiga, a fundo, a vida das mulheres das Caxinas.

+info na Agenda do Estaleiro.

Projeto de João Viana selecionado para representar Portugal no Euro Connection

28 Novembro 2012
Share on Facebook Share on Twitter

O projeto "The Crisis of the Global Financial System" de João Viana foi selecionado para representar Portugal no Euro Connection de 2013. De entre as candidaturas recebidas, a escolha recaiu sobre este projeto arrojado que ironiza sobre a globalização e surpreende com movimentos mecânicos, como se de um jogo visionário se tratasse.

O projeto de João Viana vai ser apresentado, através de um pitching, que terá lugar no próximo dia 5 de fevereiro durante o Festival de Clermont-Ferrand (França). Encontros individuais entre produtores e profissionais participantes no Fórum terão lugar no dia seguinte.

O Euro Connection é um fórum de coprodução de curtas-metragens de produtores europeus, criado pelo Mercado da Curta Metragem de Clermont-Ferrand, em associação com o MEDIA Desk France e o Centre National de la Cinématographie e recebe o apoio do programa MEDIA e do PROCIREP, e promove apresentações e encontros entre produtores, instituições de financiamento de projectos e canais de televisão, com o intuito de fomentar a coprodução entre países europeus, no domínio da curta-metragem.

Os projetos portugueses foram avaliados, como habitualmente, pelos representantes do Euro Connection em Portugal, os festivais IndieLisboa e Curtas Vila do Conde.

João Viana nasceu em Angola em 1966, tendo estudado cinema no Porto entre 1988 e 1994, e trabalhado com prestigiados realizadores de cinema como Oliveira, Biette, João César Monteiro, Werner Schroeter, entre outros. Em 2004, correalizou o filme “A Piscina”, que foi seleccionado para a Competição Oficial do Festival de Cinema de Veneza. “Alfama”, a sua segunda curta-metragem, esteve em competição em cerca de 40 festivais, entre os quais o prestigiado Festival de Clermont-Ferrand.

Mais homenagens ao Curtas Vila do Conde

8 Novembro 2012
Share on Facebook Share on Twitter

O Curtas Vila do Conde tem sido homenageado depois da comemoração dos vintes anos do Festival. Desde agosto, essas homenagens passaram por Locarno, Montreal, Rio de Janeiro e DocLisboa, com exibições das produções encomendadas pelo Festival. Durante novembro, foram outros dois festivais a comemorar o nosso aniversário: o Janela Internacional de Cinema, em Recife (Brasil), e no Festival de Sevilha (em Espanha).

No primeiro caso, em Recife, o Festival Janela, que se realizou entre 9 e 18 de novembro, apresentou os quatro filmes encomendados para a celebração dos 20 Anos: "O Canto do Rocha", de Helvécio Marins Jr.; "Reconversão", de Thom Andersen; "Land of My Dreams", de Yann Gonzalez; e "Milagre de Santo António", de Sergei Loznitsa". Em Sevilha, no contexto de um foco no cinema português, o Curtas Vila do Conde apresentou um programa próprio incluindo os filmes "A Rua da Estrada", de Graça Castanheira; "Um Rio Chamado Ave", de Luís Alves de Matos; e "Milagre de Santo António", de Sergei Loznista.

Para além destas homenagens, as produções Curtas Metragens CRL foram selecionadas para alguns festivais de cinema:
- "O Canto do Rocha": Córtex - Festival de Curtas Metragens de Sintra
- "Milagre de Santo António": Mostra - São Paulo
- "Land of My Dreams": Festival de Winterthur e Córtex - Festival de Curtas Metragens de Sintra
- "Cinzas, Ensaio sobre o Fogo": Festival dei Popoli e Festival Lusobrasileiro.
- "A Rua da Estrada": Festival dei Popoli, Caminhos do Cinema Português e Festival Lusobrasileiro.

European Film Awards 2012

31 Outubro 2012
Share on Facebook Share on Twitter

Já foram anunciados os filmes candidatos a melhor curta-metragem nos Prémios Europeus de Cinema (European Film Awards) que são atribuídos pela European Film Academy (que junta perto de 2700 profissionais de cinema europeus). A nomeação das curtas-metragens é feita em associação com vários festivais europeus de curtas-metragens, incluindo o Curtas Vila do Conde. Como foi anunciado durante o nosso festival, o nomeado do Curtas 2012 foi "Manhã de Santo António", de João Pedro Rodrigues.

A lista completa de filmes nomeados é a seguinte:
EINSPRUCH VI
by Rolando Colla
Switzerland, 17 min, fiction

TITLOI TELOUS
by Yorgos Zois
Greece, 10 min, experimental

BACK OF BEYOND
by Michael Lennox
UK, 25 min, fiction


MANHÃ DE SANTO ANTÓNIO
directed by João Pedro Rodrigues
Portugal, 25 min, fiction

SESSIZ / BÉ DENG
L. Rezan Yeşilbaş
Turkey, 14 min, fiction

VILLA ANTROPOFF
by Vladimir Leschiov & Kaspar Jancis
Latvia/Estonia, 13 min, animation

CSICSKA
by Attila Till
Hungary, 20 min, fiction

VILAINE FILLE MAUVAIS GARÇON
by Justine Triet
France 2011, 30 min., fiction

IM FREIEN
by Albert Sackl
Austria 2011, 23 min., experimental

L’AMBASSADEUR ET MOI
by Jan Czarlewski
Switzerland 2011, 15 min., documentary

MITEN MARJOJA POIMITAAN
by Elina Talvensaari
Finland 2011, 18 min, documentary

TWO HEARTS
by Darren Thornton
Ireland 2011, 17 min, fiction

SUPERMAN, SPIDERMAN SAU BATMAN
by Tudor Giurgiu
Romania 2011, 11 min, fiction

DEMAIN, ÇA SERA BIEN
by Pauline Gay 
France 2011, 8 min., fiction 

O Curtas Vila do Conde no DocLisboa

22 Outubro 2012
Share on Facebook Share on Twitter

As homenagens aos vinte anos do Curtas Vila do Conde prosseguem: depois dos festivais de Locarno, Montreal e do Rio, agora é o português DocLisboa que promove uma sessão de filmes produzidos pelo Festival. Para além desta sessão, três outras produções Curtas estão espalhadas pelas diferentes secções. Dois deles estão em competição.

Na sessão de homenagem ao Curtas Vila do Conde (sexta-feira, 26 de outubro, às 21h45, no Cinema S. Jorge), serão exibidos os filmes "O Canto do Rocha", de Helvécio Marins Jr., "A Rua da Estrada", de Graça Castanheira, e "Cinzas, Ensaio Sobre o Fogo", de Pedro Flores.

Em competição estão presentes os filmes "Milagre de Santo António", de Sergei Loznitsa (internacional); e "Um Rio Chamado Ave", de Luís Alves de Matos (nacional). O filme de Thom Andersen "Reconversão", será exibido na secção Riscos. 

Também no dia 26 de outubro, das 23:30 às 03:00, decorre a Noite de tributo ao Festival Curtas de Vila do Conde no Purex Club, Bairro Alto. 

Making of - 20º Curtas Vila do Conde

12 Outubro 2012
Share on Facebook Share on Twitter

Making of do 20.º Curtas Vila do Conde. Uma reportagem preparada pelos alunos do curso de TCAV do Instituto Politécnico do Porto.

 

←prev 1  I  2  I  3  I  4  I  5  I  6  I  7  I  8  I  9  I  10  I  11  I  12  I  13  I  14  I  15  I  16  I  17  I  18  I  19  I  20  I  21  I  22  I  23  I  24  I  25  I  26  I  27  I  28  I  29  I  30  I  31  I  32  I  33  I  34  I  35  I  36  I  37  I  38  I  39  I  40  I  41  I  42  I  43  I  44  I  45  I  46  I  47  I  48  I  49  I  50  I  51  I  52  I  53  I  54  I  55  I  56  I  57  I  58  I  59  I  60  I  61  I  62 next→
ETIQUETAS