Curtinhas à procura de júri

8 Maio 2019
Share on Facebook Share on Twitter

Tens entre 8 e 12 anos? Gostas de cinema? Então temos um desafio para ti! 

Junta-te ao Júri Curtinhas do Curtas Vila do Conde e ajuda a escolher o melhor filme da competição infantil da 27ª edição do festival, que decorrerá entre 6 e 14 de julho. Na cerimónia de encerramento, poderás anunciar o filme vencedor e entregar o prémio Curtinhas MAR Shopping Matosinhos ao realizador premiado.

Os elementos deste júri tão especial, composto por 15 crianças, receberão um free-pass para as sessões infantis do 27º Curtas Vila do Conde e uma t-shirt Curtinhas.


Inscreve-te através do e-mail animar@curtas.pt.

Sobre o Curtinhas...

O Curtinhas é um mini-festival dentro do Curtas Vila do Conde que junta pais e filhos na partilha de uma semana de cinema. Esta secção do festival, que arranca com um filme de animação para toda a família, é composta por uma competição de curtas-metragens, pelo Espaço Infantil Brincar ao Cinema e por oficinas e atividades lúdicas ligadas às imagens em movimento.


Com dezenas de filmes a concurso, a Competição Curtinhas apresenta uma seleção de obras de todo o mundo feitas a pensar no público juvenil. O filme vencedor será escolhido por um júri, composto por crianças dos 8 aos 12 anos, que entregará o Prémio Curtinhas MAR Shopping Matosinhos na Cerimónia de Encerramento do festival, a 14 de julho. 


Durante os nove dias do festival, o Espaço Infantil Brincar ao Cinema vai receber várias atividades para crianças dos 4 aos 12 anos, permitindo aos pais assistirem às sessões de cinema enquanto os filhos usufruem de um lugar de diversão e aprendizagem, sob a orientação de uma equipa de formadores. Este espaço terá um horário coincidente com o das sessões e uma programação permanente constituída por ateliers de curta duração, visionamento de filmes e a realização de outras atividades relacionadas com cinema. 

Extensão do prazo de inscrição nas competições

2 Maio 2019
Share on Facebook Share on Twitter

As inscrições para as competições do 27º Curtas Vila do Conde - Festival Internacional de Cinema terão um extensão de prazo até 5 de maio (o deadline final era até ao dia 30 de abril).

Poderá inscrever novos filmes em qualquer das competições (Internacional, Nacional, Experimental, Videos Musicais, Curtinhas, Take One!) durante os próximos dias usando o waiver curtas2019extended apenas em FilmFreeway.

Mais informações e regulamentos das competições aqui.

"Dia de Festa" em Cannes

22 Abril 2019
Share on Facebook Share on Twitter

"Dia de Festa", curta-metragem da realizadora portuguesa Sofia Bost, terá estreia mundial na competição oficial da Semana da Crítica do Festival de Cinema de Cannes.

A curta-metragem da realizadora portuguesa Sofia Bost, que marca a estreia na realização com "Dia de Festa", foi seleccionada para integrar a competição oficial da Semana da Crítica do Festival de Cinema de Cannes, que se realiza entre 15 e 23 de Maio em França.
Produzida pela Uma Pedra no Sapato e com promoção internacional da Agência da Curta Metragem, "Dia de Festa" acompanha o dia de Mena no aniversário da sua filha Clara, e conta com a participação das actrizes Rita Martins, Melissa Matos, Teresa Madruga, Sandra Celas, Mariana Silva, Sara Gonçalves e Fernanda Neves.
Sofia Bost revela: "O filme observa a complexidade das relações entre mães e filhas - um tema que me interessa há muito tempo e que já tinha começado a explorar na escola de cinema. Quando li o argumento do Tiago Bastos Capitão soube logo que era o projecto certo para mim.”
Sofia Bost nasceu em Lausanne, na Suíça, em 1986. Licenciou-se em Ciências da Comunicação em Lisboa e concluiu o mestrado em Filmmaking na London Film School. Vive e trabalha em Lisboa.

Nova Imagem Curtas Vila do Conde 2019

17 Abril 2019
Share on Facebook Share on Twitter

O Curtas Vila do Conde está de volta e assinala a sua 27.ª edição com uma nova imagem gráfica da autoria de João Faria, designer que colobora regularmente com o festival.

Curtas Vila do Conde dá carta branca a João Nicolau

15 Abril 2019
Share on Facebook Share on Twitter

No âmbito da celebração do seu 20º aniversário, a Agência da Curta Metragem apresenta a iniciativa “Carta Branca aos Realizadores Portugueses” que, no espaço de um ano, irá percorrer os diversos festivais de cinema, de norte a sul do país, com sessões especiais de celebração da cinematografia nacional do século XXI. O Curtas Vila do Conde participa na iniciativa com o realizador João Nicolau que irá assim apresentar uma carta branca durante o festival, entre 6 a 14 de julho.

A Carta Branca aos Realizadores será uma mostra de cinema português de processo invertido convocando as pessoas que pensam cinema na sua origem – os criadores - para se colocarem no papel do programador e fazer uma revisitação ao cinema nacional numa sessão de curtas-metragens.
A celebração dos 20 anos da Agência contará ainda com a edição de um livro sobre o cinema português do século XXI, coordenado e editado por Daniel Ribas e Paulo Cunha, investigadores em cinema português com extensa bibliografia e colaboradores regulares do Curtas Vila do Conde. O livro, cujo lançamento está programado para Outubro, contará com textos de Augusto Seabra, Haden Guest, Adrian Martin, Leo Goldsmith, Roger Koza, Carmen Gray, Cíntia Gil, Iván Villarmea, Tiago Baptista, Pascale Cassagnau, Olivier Cotte e Martin Pawley.
Este projeto levado a cabo pela Agência da Curta Metragem com a parceria dos festivais intervenientes e a colaboração imprescindível dos cineastas que aderiram ao desafio, conta com o apoio financeiro do Instituto de Cinema e Audiovisual, e pretende ser mais um passo assinalável num conjunto de futuras iniciativas em prol da nossa cultura cinematográfica.

Curtas Premiadas na MONSTRA

1 Abril 2019
Share on Facebook Share on Twitter

Quatro filmes da Agência da Curta Metragem foram premiadas pelo festival: “Agouro”, de David Doutel e Vasco Sá,  “Á Tona”, de Filipe Abranches, “Entre Sombras”, de Alice Guimarães e Mónica Santos, e “Ride" de Paul Bush.
O Monstra – Festival de Animação de Lisboa decorreu entre 20 e 21 de março, no Cinema São Jorge e em vários outros espaços da cidade de Lisboa.
 

COMPETIÇÃO PORTUGUESA

Menções Honrosas:
“Agouro” de David Doutel e Vásco Sá
"Á Tona" de Filipe Abranches
Prémio do Público:
“Entre Sombras” de Alice Guimarães e Mónica Santos
COMPETIÇÃO DE CURTAS METRAGENS
Melhor Filme Experimental:
“Ride” de Paul Bush
 
Melhor Curta Portuguesa:
“Agouro” de David Doutel e Vasco Sá
Prémio do Público
“Entre Sombras” de Alice Guimarães e Mónica Santos

←prev 1  I  2  I  3  I  4  I  5  I  6  I  7  I  8  I  9  I  10  I  11  I  12  I  13  I  14  I  15  I  16  I  17  I  18  I  19  I  20  I  21  I  22  I  23  I  24  I  25  I  26  I  27  I  28  I  29  I  30  I  31  I  32  I  33  I  34  I  35  I  36  I  37  I  38  I  39  I  40  I  41  I  42  I  43  I  44  I  45  I  46  I  47  I  48  I  49  I  50  I  51  I  52  I  53  I  54  I  55  I  56  I  57  I  58  I  59  I  60  I  61  I  62  I  63  I  64  I  65  I  66  I  67  I  68  I  69  I  70  I  71  I  72  I  73  I  74  I  75  I  76  I  77  I  78  I  79 next→
ETIQUETAS