"Rua da Estrada" Melhor Documentário do Arquiteturas Film Festival

29 Setembro 2014
Share on Facebook Share on Twitter

A curta-metragem “Rua da Estrada”, de Graça Castanheira, venceu o prémio de Melhor Documentário na 2ª edição do Arquiteturas Film Festival que decorreu entre 24 e 28 de setembro em Lisboa.


O documentário foi produzido pela Curtas Metragens no âmbito do projeto Estaleiro envolvendo um grupo de estudantes de cinema do Porto que integraram a equipa técnica do filme. 


Em “A Rua da Estrada” percorrem-se as estradas nacionais, com a sua muito peculiar paisagem – sismógrafo do tempo que passa. Lida pelo olhar avisado do geógrafo Álvaro Domingues, uma viagem por Portugal, tal qual é.

“Reconversão” editado em DVD no Dia Mundial da Arquitetura

29 Setembro 2014
Share on Facebook Share on Twitter

A 6 de outubro, Dia Mundial da Arquitetura, o Curtas Vila do Conde, em parceria com a Fnac, lançou em DVD “Reconversão”, um filme de Thom Andersen sobre a obra do arquiteto portuense Eduardo Souto de Moura.

 
Com a edição em DVD de "Reconversão", a Fnac e o Curtas Vila do Conde iniciam uma parceria que dará a conhecer algum do mais original e estimulante cinema contemporâneo. Nas palavras de Miguel Dias, codiretor do Curtas Vila do Conde — Festival Internacional de Cinema, “a escolha de Thom Andersen para iniciar esta série é relevante para a parceria, pois “Reconversão”, para além de se tratar de uma das produções da Curtas Metragens CRL mais aclamadas pela crítica, foi na sua origem uma encomenda de celebração dos 20 anos do Festival.”

O filme retrata 17 edifícios e projetos do conceituado arquiteto portuense Eduardo Souto de Moura, acompanhados pelos seus próprios escritos. É uma investigação sobre a sua arquitetura, onde Souto de Moura tem a última palavra.

Tecnicamente, “Reconversão” combina a crueza do proto-cinema com o hiper-realismo do cinema digital, remetendo-nos de novo aos ideais de Dziga Vertov. Filmar um ou dois frames por segundo e animar as imagens à maneira de Muybridge, produz uma resolução mais elevada, embora não necessariamente um melhor sentido da realidade, ressaltando os movimentos da água e da vegetação que geralmente passam despercebidos.


Professor, crítico de cinema e realizador, Thom Andersen nasceu em Chicago em 1943 e realizou cerca de uma dezena de filmes em quase cinco décadas de carreira, sendo conhecido sobretudo pela sua obra de referência, “Los Angeles Plays Itself” (2003). Andersen venceu o prémio para Melhor Documentário em Vila do Conde em 2011 com o filme “Get Out Of the Car”.


Esta edição, à venda em exclusivo nas lojas Fnac, tem o preço de 4 euros e inclui dois extras: a curta-metragem “Vulgar Fractions” do diretor de fotografia de “Reconversão”, Peter Bo Rappmund, e uma série de fotogramas do filme que se encontram, neste momento, em exposição itinerante.

“É o Amor” com cinco nomeações aos prémios Sophia 2014

17 Setembro 2014
Share on Facebook Share on Twitter

 “É o Amor”, de João Canijo, foi nomeado, pela Academia Portuguesa de Cinema, aos prémios Sophia 2014 em cinco categorias:  Melhor Filme, Melhor Realizador,  Melhor Argumento Original, Melhor Fotografia e Melhor Montagem.


A longa-metragem resultou de uma encomenda da Curtas Metragens, entidade responsável pelo Curtas Vila do Conde – Festival Internacional de Cinema, ao realizador João Canijo, no âmbito do programa Estaleiro, envolvendo um grupo de jovens estudantes de cinema do Porto que integraram a equipa técnica do filme.


Os vencedores serão revelados no dia 8 de Outubro, na gala que ocorrerá no CCB.

Filmagens do Campus arrancaram em Paredes de Coura

26 Agosto 2014
Share on Facebook Share on Twitter

O Festival de Paredes de Coura foi o cenário escolhido para parte da rodagem da primeira produção do Campus, realizada por Sandro Aguilar e uma equipa de estudantes de cinema e audiovisual.

Até 2015, serão produzidos mais dois documentários sob a orientação de Manuel Mozos e Lois Patiño. Os filmes produzidos no âmbito da 2ª edição do Campus terão estreia mundial durante o 23º Curtas Vila do Conde – Festival Internacional de Cinema. 

Autonomizado do projeto Estaleiro, o Campus é um programa  de formação avançada de cinema, composta por workshops, debates, masterclasses, residências artísticas e a produção de filmes, em que realizadores com comprovada experiência trabalham com equipas de estudantes.

O programa, associado a várias universidades do Porto, está direcionado para estudantes de cinema e audiovisual da região Norte e complementa as formações universitárias. 

←prev 1  I  2  I  3  I  4  I  5  I  6  I  7  I  8  I  9  I  10  I  11  I  12  I  13  I  14  I  15  I  16 next→
ETIQUETAS