• IDENTIDADE... João P. Rodrigues, João R. Guerra da Mata
Portugal · 2016
  • POTEMKIN STEPS

    João Pedro Rodrigues
  • ONDE ESTÁ AGORA, JOÃO PEDRO RODRIGUES?

    João Pedro Rodrigues
  • DREAM...

    João P. Rodrigues, João R. Guerra da Mata
  • DUELO

    João P. Rodrigues, João R. Guerra da Mata
  • HOJE É DIA...

    João P. Rodrigues, João R. Guerra da Mata
  • SELEÇÃO DE...

    João P. Rodrigues, João R. Guerra da Mata
  • 16-05-2014, ESTA...

    João Rui Guerra da Mata
  • PRAÇA DE ALVALADE

    João Pedro Rodrigues
  • WHERE’S...

    João R. Guerra da Mata, João P. Rodrigues
  • VISITA...

    João P. Rodrigues, João R. Guerra da Mata
  • IEC LONG

    João Pedro Rodrigues
  • O CORPO DE AFONSO

    João Pedro Rodrigues
  • MAHJONG

    João Pedro Rodrigues, João R. Guerra da Mata
  • MANHÃ DE SANTO ANTÓNIO

    João Pedro Rodrigues
  • ALVORADA VERMELHA

    João Pedro Rodrigues
  • O PASTOR

    João Pedro Rodrigues
  • CHINA, CHINA

    João Pedro Rodrigues
  • PARABÉNS!

    João Pedro Rodrigues
IDENTIDADE NACIONAL IDENTIDADE NACIONAL
João Pedro Rodrigues, João Rui Guerra da Mata, 2016
Portugal, , 00:00:00
Instalação
Portugal, 2016

O CORPO DE AFONSO
João Pedro Rodrigues
Vídeo Projeção, 32', HD, cor , som, loop
Portugal 2013

MARIA BAKKER (GONÇALO FERREIRA DE ALMEIDA)
Adereço do filme “Morrer como um Homem” (2009) de João Pedro Rodrigues
Fotografia de Luís Silva Campos, 2008
Impressão sobre papel

JENNY LARRUE, GUERREIRA NUBA (JENNY LARRUE)
Adereço do filme “Morrer como um Homem” (2009) de João Pedro Rodrigues
Fotografia de Luís Silva Campos, 2008
Impressão sobre papel

MÁSCARA MORTUÁRIA DE TÓNIA (FERNANDO SANTOS)
Adereço do filme “Morrer como um Homem” (2009), de João Pedro Rodrigues
Latex pintado, cabelo natural
Executada por Colin H. Arthur e Sarah Pooley (Dream Factory Spain), 2008

RÉPLICA DA HIPOTÉTICA ESPADA DE DOM AFONSO HENRIQUES, PRIMEIRO REI DE PORTUGAL
Adereço do filme “O Corpo de Afonso” (2013) de João Pedro Rodrigues
Forjada por Carlos Norte e Paulo Correia na Cutelaria Lombo do Ferreiro, 2012

A projeção do filme “O Corpo de Afonso“ (2013) de João Pedro Rodrigues, comissariado por Guimarães Capital da Cultura em 2012, uma abordagem irónica da questão da identidade nacional e da política contemporânea, entra em diálogo com vários adereços idealizados por João Rui Guerra da Mata para o filme “Morrer como um homem“ (2009) de João Pedro Rodrigues, resultando numa reflexão sobre as questões de identidade e de identidade de género, questionando a manifestação social e a representação social estereotipada do que é ser macho ou fêmea, bem como as normas de comportamento e aparência ligadas a cada género, incluindo tanto características adoptadas por uma pessoa, como características baseadas no género que lhe são atribuídas pelos outros.