• THORAX Siegfried A. Fruhauf
  • PHANTOM RIDE PHANTOM

    S. Fruhauf
  • FUDDY DUDDY

    Siegfried A. Fruhauf
  • VINTAGE PRINT

    Siegfried A. Fruhauf
  • DISSOLUÇÃO DE FOTO...

    Siegfried A. Fruhauf
  • OLHOS PESADOS

    Siegfried A. Fruhauf
  • TRANQUILITY

    Siegfried A. Fruhauf
  • GROUND CONTROL

    Siegfried A. Fruhauf
  • BLED - ATTWENGER

    Siegfried A. Fruhauf
  • NIGHT SWEAT

    Siegfried A. Fruhauf
  • TIME LAPSE

    Siegfried A. Fruhauf
  • SUN

    Siegfried A. Fruhauf
  • PHANTOM RIDES

    Siegfried A. Fruhauf
  • HÖHENRAUSCH

    Siegfried A. Fruhauf
  • FRONTALE - DIAGONALE TRAILER

    Siegfried A. Fruhauf
  • BLOW-UP

    Siegfried A. Fruhauf
  • MIRROR MECHANICS

    Siegfried A. Fruhauf
  • LA SORTIE

    Siegfried A. Fruhauf
  • PHANTOM RIDE - CROSSING-EUROPE-TRAILER

    Siegfried A. Fruhauf
  • MONA LISA DISSOLUTION

    Siegfried A. Fruhauf
  • STRUCTURAL FILMWASTE. DISSOLUTION 2

    Siegfried A. Fruhauf
  • STRUCTURAL FILMWASTE. DISSOLUTION 1

    Siegfried A. Fruhauf
  • REALTIME

    Siegfried A. Fruhauf
  • EXPOSED

    Siegfried A. Fruhauf
THORAX THORAX
Siegfried A. Fruhauf, 2019
Austria, EXP , 00:08:00
Uma das coisas que aprendemos em crianças, nem que seja através do próprio erro, é a não olhar diretamente para objetos luminosos, como o sol ou uma lâmpada incandescente, sob o risco de danificarmos a nossa visão. No entanto, isso não impede que a curiosidade leve a que ocasionalmente desviemos o olhar para esses objetos, ficando com uma imagem marcada na retina durante alguns momentos. “Thorax”, inspirado em parte pelo filme dadaísta e experimental de Marcel Duchamp, “Anémic Cinéma” (1926), parece desafiar essa proibição ao convidar-nos a olhar diretamente para uma imagem incandescente, para uma espécie de mecanismo que, através de variações de luzes e sons desorientadores, desafia os nossos sentidos, numa cedência completa ao abstrato. As imagens cintilantes que se sucedem, que o nosso consciente tenta traduzir, são acompanhadas pelo reflexo criado pelo nosso olhar, pelas sombras e imagens fantasmas deixados no rasto inconsciente do que observamos, perante uma torrente luminosa. Este é o regresso ao Curtas de Siegfried A. Fruhauf, realizador austríaco presente já em diversas edições do festival. (JA)
CONTACTO DE CÓPIA Gerald Weber - sixpackfilm; +431526099012, gerald@sixpackfilm.com, www.sixpackfilm.com SOM Siegfried A. Fruhauf, Jürgen Gruber, Anna Katharina Laggner