Exposição de Marie Losier integra o programa do Curtas Vila do Conde

14 Junho 2022
Share on Facebook Share on Twitter

Residente em Nova Iorque nos últimos vinte anos, Marie Losier é uma cineasta e curadora francesa conhecida, sobretudo, pelos trabalhos filmográficos em torno de músicos, artistas e cineastas avant-garde. Guy Maddin, Tony Conrad, Alan Veg e Genesis Breyer P-Orridge são algumas das figuras representadas numa longa lista de documentários que parecem querer subverter as regras convencionais do género. Em plena era do digital, Marie Losier é uma cineasta comprometida com o analógico e com uma vontade, fora do vulgar, de criar arte em relação com os outros. A sua obra tem percorrido os principais palcos internacionais, assim como sido alvo de focos e retrospectivas em museus, galerias e bienais dentro e fora dos EUA. A partir do convite lançado pelo Curtas Vila do Conde, a artista desenvolveu uma exposição inédita, Excesso Chamalo, em parceria com David Legrand, que ocupará a Solar - Galeria de Arte Cinemática entre 9 de julho e 4 de setembro.

Em paralelo com a exposição, o Curtas Vila do Conde exibirá ainda uma seleção de filmes da autora, assim como um programa de filmes escolhidos onde Losier olha algumas das obras que marcaram o seu percurso artístico. A serem exibidos na sala 2 do Teatro Municipal de Vila do Conde, a Carte Blanche a Marie Losier integra, sobretudo, obras que a mesma descobriu no The Anthology Film Archives, fundado por Jonas Mekas, Stan Brakhage, Jerome Hill e Peter Kubelka. Filmes que, segundo Losier, são exemplos vivos e poéticos de uma certa liberdade de filmar, experimentar e brincar com os formatos convencionais. A selecção integra obras de Pola Chapelle, J. J. Murphy, George Kuchar, Tony Conrad, entre outros.


A exposição Excesso Chamalo inaugura a dia 9 de pelas 18h30, estando prevista a realização de uma visita guiada com a artista  e David Legrand para o dia 13 de junho pelas 16h30. O programa paralelo da exposição inclui ainda a performance interactiva de rua La Galerie du Cartable, da autoria de David Legrand, a ter lugar às 21h15 de dia 13, assim como uma conversa entre Marie Losier, João Pedro Rodrigues e Sandro Aguilar a ter lugar no dia 14 de junho, às 14h30, na Sala 2 do Teatro Municipal de Vila do Conde. 


Este programa foi desenvolvido no âmbito da Temporada Portugal-França 2022.

ETIQUETAS