Ver Filmes Online

Oficina e mostra de ilustração na Animar 13, em abril

29 Março 2018
Share on Facebook Share on Twitter

Em abril, a Animar 13 apresenta uma sessão comemorativa do Festival de Curta-Metragem de Clermont-Ferrand, uma mostra de ilustração paralela e ainda uma oficina de iniciação à ilustração com Joana Estrela.

Já no próximo dia 15 de abril, o Curtas Vila do Conde apresenta uma sessão comemorativa do 40º Festival de Curta-Metragem de Clermont-Ferrand e do 10º Anatomie du Labo. Esta sessão, a decorrer no Teatro Municipal de Vila do Conde, reúne seis curtas resgatadas da secção Labo do festival francês: "Everything (Tout)", de David O'Reilly, "Reruns (Rediffusions)", de Rosto, "Proch (Poussière)", de Jakub Radej, "Black America Again", de Bradford Young, "Shadow Nettes", de Phillip Barker e "Retour", de Pang-Chuan Huang.

No mesmo dia, inaugura a mostra de ilustração Anatomie du Labo 10, que ficará patente no foyer do Teatro Municipal de Vila do Conde até ao final da Animar 13, a 19 de maio. Vila do Conde, através da associação Curtas Metragens CRL, foi uma das cidades escolhidas para receber esta mostra itinerante, que partirá da cidade francesa para uma volta à Europa. A Anatomie du Labo convida artistas internacionais – propostos por vários festivais – a ilustrarem os filmes em competição na secção Labo da programação do Festival de Clermont-Ferrand. O objetivo principal é promover o diálogo entre os realizadores dos filmes e os espectadores. Júlio Dolbeth integra esta exposição em representação do Curtas Vila do Conde. O ilustrador português tem vindo a trabalhar em parceria com o festival vilacondense e os resultados são visíveis até nas paredes da cidade. 

Já no dia 21, as ilustradoras Joana Estrela e Sofia Rocha e Silva vêm até à Solar Galeria de Arte Cinemática para orientar um workshop de iniciação à ilustração com base nas canções de intervenção da Revolução dos Cravos, destinado a crianças entre os 8 e 12 anos. As inscrições podem ser enviadas para animar@curtas.pt e têm um custo de 10 euros. No mesmo dia, será exibido o filme “L’Aventure Commence”, de Thierry Frémaux, também no Teatro Municipal, numa parceria com o Cineclube de Vila do Conde.

Animação do real em destaque na Animar 13

23 Janeiro 2018
Share on Facebook Share on Twitter

A Solar – Galeria de Arte Cinemática, em Vila do Conde, acolhe a 13ª edição da ANIMAR, projeto educativo que integra uma exposição coletiva para toda as idades. A inauguração acontece no dia 10 de fevereiro (sábado), às 15:00, e a entrada é gratuita.

A inaugurar no próximo dia 10 de fevereiro, a exposição ANIMAR 13 reúne trabalhos dos artistas Paulo Patrício, Pedro Neves e Marta Monteiro e das duplas Alexandra Ramires (Xá) e Laura Gonçalves e Joana Nogueira e Patrícia Rodrigues, destacando a contaminação entre o cinema de animação e o documentário no panorama cinematográfico nacional. Nesta edição, a Animar propõe assim um cruzamento entre os universos do real e do imaginado, quer através de animações baseadas em histórias e personagens reais, quer da ficcionalização de imagens documentais.


A exposição tem como pano de fundo os filmes "Água Mole", de Alexandra Ramires e Laura Gonçalves, "Pronto, Era Assim", de Joana Nogueira e Patrícia Rodrigues, "Surpresa", de Paulo Patrício e "A Praia", de Pedro Neves, que vão saltar da tela para a galeria, onde estarão também patentes diversos objetos relacionados com o processo de produção fílmica como adereços, cenários, figurinos, entre outros.


A proposta de curadoria passa pela expansão dos filmes do seu território tradicional, transpondo as atmosferas estéticas e narrativas para um espaço interativo, em forma de instalação, no qual o espectador é convidado a participar. Baseadas no imaginário destas obras, as ilustrações de Marta Monteiro darão cor e vida à sala destinada às atividades educativas.

Paralelamente à exposição na Solar - Galeria de Arte Cinemática – que poderá ser visitada de segunda-feira a sábado, entre as 14:00 e as 18:00 -, a ANIMAR 13 apresenta, até maio, uma programação complementar que inclui sessões de cinema para escolas e famílias, visitas guiadas à exposição, workshops e ateliês.

A abertura das sessões de cinema está marcada para 25 de fevereiro, com a projeção do mais recente filme de Thierry Frémaux, "Lumière!: A Aventura Começa", no Teatro Municipal, em parceria com o Cineclube de Vila do Conde. O documentário reúne vários excertos das cópias restauradas dos irmãos Lumière, afirmando-se como uma porta de entrada para a história do cinema e para a cinefilia, que é, aliás, um dos principais propósitos da Animar.  

De cariz vincadamente educativo, a Animar promove todos os anos oficinas de iniciação ao cinema, destinadas à comunidade escolar do norte do país, e ateliês de longa duração, dedicados em exclusivo às escolas do concelho de Vila do Conde.  Os ateliês vão decorrer sob a orientação dos realizadores Joana Nogueira e Patrícia Rodrigues, Paulo Patrício e Pedro Neves, e os filmes daí resultantes têm estreia marcada para a Festa de Encerramento da ANIMAR 13, a acontecer no dia 20 de maio.


A oferta formativa será complementada com workshops abertos de iniciação à banda desenhada, sob a orientação de Joana Estrela, e de técnicas de impressão, com a Oficina Arara.


A 13ª edição da Animar conta com o apoio da Câmara Municipal de Vila do Conde, do Instituto do Cinema e do Audiovisual (programa Despertar), do Governo de Portugal (Cultura), da Argatintas, da Viarco e do Cineclube de Vila do Conde. É uma iniciativa da equipa do Curtas Vila do Conde – Festival Internacional de Cinema.


Veja aqui a programação completa.

Workshop Curtinhas no MAR Shopping: “O meu primeiro Caleidoscópio”

2 Maio 2017
Share on Facebook Share on Twitter

O MAR Shopping Matosinhos associa-se, pelo sexto ano consecutivo, ao “Curtinhas”, secção do Curtas Vila do Conde – Festival Internacional de Cinema dedicada às crianças. Em antecipação à 25ª edição do festival o MAR Shopping recebe, no dia 1 de julho, o workshop “O meu primeiro Caleidoscópio”, um brinquedo ótico que induz a ilusão de movimento das imagens e que invoca toda uma época que antecedeu o cinema, o pré-cinema. Idealizada para despertar interesse de pais e filhos para o mundo cinéfilo, a iniciativa decorre das 11h00 às 12h30 e das 14h30 às 16h00, no Piso 0 (corredor de moda infantil) e a participação é gratuita e é assegurada por ordem de chegada.

 

Nesta atividade, os participantes são convidados a construir o seu próprio caleidoscópio e a descobrir os efeitos óticos produzidos pelos reflexos de luz no aparelho criado. Destinado a crianças a partir dos 4 anos, o atelier visa estimular a coordenação motora, a autoestima e a curiosidade artística e intelectual dos mais pequenos.

De 8 a 16 de julho, numa edição especial em que comemora o 25º aniversário, o Curtas Vila do Conde oferece ao público uma programação arrojada, com uma vasta seleção de filmes inovadores, filmes-concertos, performances, exposições, festas, entre outros.

 

O “Curtinhas” é um minifestival dentro do Curtas Vila do Conde, que junta pais e filhos na partilha de uma semana de cinema. Esta secção do festival, que arranca com um filme de animação para toda a família, é composta por uma competição de curtas-metragens, pelo Espaço Infantil Brincar ao Cinema e por oficinas e atividades lúdicas ligadas às imagens em movimento.

Com dezenas de filmes a concurso, a Competição Curtinhas apresenta uma seleção de obras de todo o mundo feitas a pensar no público juvenil. O filme vencedor será escolhido por um júri, composto por crianças dos 8 aos 12 anos, que entregará o Prémio Curtinhas MAR Shopping na Cerimónia de Encerramento do festival, a 16 de julho.


Pelo sexto ano consecutivo, o MAR Shopping Matosinhos apoia o “Curtinhas” como parceiro exclusivo.

Encerramento da Animar 12 no Teatro Municipal a 11 de junho

28 Abril 2017
Share on Facebook Share on Twitter

O Teatro Municipal de Vila do Conde recebe a 11 de junho, domingo, a sessão de encerramento da Animar 12 com o espetáculo de Teatro de Papel - Cindy para toda a família, numa sessão que vai também apresentar um balanço do projeto educativo e as curtas-metragens produzidas nas escolas durante os ateliês de cinema de animação. Em simultâneo, estará em exposição uma mostra dos trabalhos originais realizados nas escolas durante as oficinas Animar e uma mostra de teatros de papel. Para além disso, está prevista a realização de um workshop de teatro de papel.


Criada pela equipa que organiza o Curtas Vila do Conde – Festival Internacional de Cinema e com uma programação pensada especialmente para a comunidade escolar, a Animar 12 levou a cabo, nos últimos meses, um conjunto de atividades para alunos de vários níveis de ensino: visitas à exposição na Solar – Galeria de Arte Cinemática, sessões de cinema com filmes de animação premiados internacionalmente, ateliers de cinema, entre outras. À semelhança das edições anteriores deste projeto educativo, que tem como objetivo principal a aproximação do público jovem ao cinema, formadores convidados produziram pequenos filmes de animação durante ateliers nas escolas do concelho de Vila do Conde, que serão apresentados pela primeira vez na sessão de encerramento.


A apresentação da peça Teatro de Papel – Cindy enquadra-se no âmbito da Animar não só pelo trabalho com marionetas, mas também por dois motivos muito fortes. Por um lado, o Teatro de Formas Animadas de Marcelo Lafontana é uma das entidades parceiras da Curtas Metragens CRL na programação da Solar Galeria de Arte Cinemática e, por isso mesmo, da Animar; por outro, na equipa técnica da peça constam dois artistas que deram os seus primeiros passos em animação, enquanto alunos participantes em ateliês da Animar, os responsáveis pelo trabalho de ilustração Bárbara Carmo e Carlos Arteiro.


Esta peça narra de uma forma diferente e bem-humorada as aventuras e desventuras da menina Cindy, também conhecida como Gata Borralheira. A jovem heroína, desprezada pelos pais e humilhada pelas irmãs adotivas, tem um único sonho: ser princesa por uma noite, custe o que custar. Nesta abordagem da companhia teatral vila-condense, Cindy representa uma alegoria em torno da sociedade de consumo, da superfluidade das relações humanas, da posição da mulher, do desespero pelo reconhecimento público e a consequente fama instantânea, embora efémera.


No âmbito do encerramento da Animar, será apresentada uma versão especial do espetáculo, conjugando o teatro com a projeção de vídeo. Os bilhetes custam 3 euros e estão à venda na rede da Bilheteira Online e no Teatro Municipal de Vila do Conde. 

FESTA DE ENCERRAMENTO ANIMAR 12 
Domingo, 11 de junho
Teatro Municipal de Vila do Conde

⤷ 14:30 


JOGOS E BRINCADEIRAS ANIMADAS
Caça aos chocolates e pinhata

WORKSHOP DE TEATRO DE PAPEL

Neste workshop de Teatro de Papel, orientado pela equipa do Teatro de Formas Animadas de Marcelo Lafontana, os mais novos são convidados a entrar no mundo da criação teatral através da construção de réplicas dos cenários e marionetas que fazem parte do espetáculo “Cindy”. Destinada a pais e filhos, esta oficina apela ao desenvolvimento dos sentidos, da criatividade e da experimentação. 

Destinatários: maiores de 4/6 anos. As crianças deverão ser acompanhadas de um adulto. 
Coordenação: Sílvia Fagundes e Fátima Pereira
Horário: 14:30
Duração: 2 horas
Local: Teatro Municipal de Vila do Conde, Sala de Ensaios
Nº máximo de participantes: 10 
Inscrições: até 10 de junho para o e-mail animar@curtas.pt
Custo: 10 euros. Inclui a participação no workshop e o acesso, da criança e do adulto que a acompanha, à exibição do “Teatro de Papel: Cindy”. 
Observações: Esta atividade implica o manuseamento de tesouras e colas. 


⤷ 16:00

MAKING OF ANIMAR 12
Exibição de uma reportagem extensa e completa sobre todas as atividades desenvolvidas, nos últimos meses, no âmbito deste projeto educativo.

CURTAS ANIMAR 12 
Exibição das curtas-metragens produzidas nas escolas durante os ateliers de cinema de animação. 

TEATRO DE PAPEL: CINDY
LaFontana / Formas Animadas 
Espetáculo para toda a família

Esta peça narra de uma forma diferente e bem humorada as aventuras e desventuras da menina Cindy também conhecida como Gata Borralheira. A jovem heroína, desprezada pelos pais e humilhada pelas irmãs adotivas, tem um único sonho: ser princesa por uma noite, custe o que custar!

Nesta adaptação teatral de um dos contos de fada mais populares do mundo, a companhia de teatro Lafontana – Formas Animadas de Vila do Conde, apresenta este espetáculo num registo situado entre o ator e o narrador de estórias. 

Cindy representa uma alegoria em torno da sociedade de consumo, da superfluidade das relações humanas, da posição da mulher, do desespero pelo reconhecimento público, e a consequente fama instantânea embora efémera.

No âmbito do encerramento da Animar, será apresentada uma versão especial do espetáculo, conjugando o teatro com a projeção de vídeo. 

Bilhetes: 3 euros
À venda no Teatro Municipal de Vila do Conde e na rede da BOL.

MOSTRA DE TRABALHOS ANIMAR 12
5 – 11 JUN, 14:00 – 19:00
Mostra de trabalhos originais realizados nas escolas durante as oficinas Animar.

Informações:
www.curtas.pt/animar
www.facebook.com/projetoanimar
www.youtube.com/animarviladoconde

←prev 1  I  2  I  3  I  4  I  5  I  6  I  7 next→
ETIQUETAS