Ver Filmes Online
  • CATIVOS DO MAL Vincente Minnelli
22 JUL, 22:00, Teatro Municipal Sala Dois
  • CATIVOS DO MAL

    Vincente Minnelli
THE BAD AND THE BEAUTIFUL CATIVOS DO MAL
Vincente Minnelli, 1952
USA, FIC, 01:58:00
Jonathan Shields (interpretado por Kirk Douglas) é um implacável produtor de cinema cuja personalidade tóxica e ambição desmedida acaba por afastar todos os que algum dia trabalharam nos seus filmes. Quase 20 anos depois de terem abandonado as produções de Shields, três dos seus antigos colaboradores são convocados por um executivo dos estúdios para voltarem a trabalhar num dos seus filmes: um realizador (Barry Sullivan), uma actriz (Lana Turner) e um argumentista (Dick Powell). Cada um deles foi enganado e traído por Shields, do qual vamos conhecendo as diversas facetas do seu carácter e a sua ascensão impiedosa no mundo do cinema através de um dispositivo narrativo que recorre a vários flashbacks, nos quais os três antigos parceiros narram a sua própria experiência com o produtor que, ao mesmo tempo que contribuiu para as suas carreiras de sucesso, quase destruiu as suas vidas.
Se a faceta mais celebrada do cinema de Vincente Minnelli são os seus deslumbrantes musicais (“Meet Me In St. Louis”, “An American In Paris”, “The Band Wagon”), a sua obra vai muito para além do género, e os melodramas que realizou nos anos 1950 estão entre os seus filmes mais conseguidos e mais pessoais. Entre estes, um lugar de destaque é devido a este “The Bad and the Beautiful”, cuja amálgama de melodrama e film noir (pelo assombroso uso da luz e da sombra na extraordinária fotografia de Robert Surtees, mas também pela incursão pelo lado mais sombrio da mente humana) faz de si uma obra singular no género. O filme capta exemplarmente o fascínio de Hollywood no auge dos estúdios, ao mesmo tempo que nos mostra o lado negro do mundo do cinema, numa visão por vezes cínica e cruel, mas que também revela amor e ternura pelas personagens, mesmo as mais destrutivas e amorais, recusando qualquer julgamento simplista que o seu ar profundamente cáustico e amargo pode revelar. Ao invés, o interesse de Minnelli centra-se na complexidade do ser humano, e na forma como a ascensão e decadência de Jonathan Shields – o sucesso, a falência, a solidão e uma certa loucura – o tornam, pelas suas fraquezas, mais humanizado. Hollywood, aparentemente, gostou de se rever ao espelho, premiando “The Bad and the Beautiful” com cinco óscares da Academia, embora tanto a poderosa e segura realização de Minnelli quanto as extraordinárias interpretações de Kirk Douglas e Lana Turner tenham saído sem qualquer distinção. (MD)
PRODUÇÃO John Houseman - Warner Bros. Pictures CONTACTO DE CÓPIA Park Circus, info@parkcircus.com, www.parkcircus.com ARGUMENTO Charles Schnee FOTOGRAFIA Robert L. Surtees EDIÇÃO Conrad A. Nervig MÚSICA David Raksin ACTORES Lana Turner, Kirk Douglas, Walter Pidgeon, Gloria Grahame